Juscelino Foi Bossa Nova - Rodrigues Alves Papai Grande

Apoio Cultural - Instituto Histórico e Geográfico de Guaratinguetá (IHGG) - Preservando a História - Memória - Patrimônio de Guaratinguetá - Educação Conhecendo a Comunidade

domingo, 13 de junho de 2010

Rodrigues Alves – Papai Grande

Durante sua vida pública Rodrigues Alves ficou conhecido por duas características imputadas pela imprensa da época. A primeira como dorminhoco e a segunda como Papai Grande.
O apelido de dorminhoco apareceu durante a gestão frente ao Ministério da Fazenda, no governo de Prudente de Moraes, entre os anos de 1894-1897.
A denominação Papai Grande apareceu na imprensa carioca durante a presidência da república, por ser o chefe de estado e aquele que deveria cuidar dos destinos do povo.
Dentre as inúmeras caricaturas e textos satíricos, a imagem ao lado mostra o diálogo de um homem do povo com Rodrigues Alves sobre a Vacina Obrigatória (1904), um dos episódios explorados ao limite por sua imposição e legitimidade. Nela, o Malho, famosa revista da época, o chama também de Papai Falador.
Consta que Rodrigues Alves não importou com as caricaturas e apelidos e, segundo depoimentos, achava graça de sua imagem distorcida.

Desenho: Monumeta Histórica: Oswaldo Cruz, p. CXVII.




Nenhum comentário:

Postar um comentário